6 de jul de 2015

Desafio a dor

Não foi criado instrumento para se medir a dor alheia
Mas quem já passou por ela sabe bem que se mede por profundidade.
Como um poço que ao alcançar o fundo da alma
Transborda-se em lágrimas.

Há aqueles que a querem qualificar
Elegem privilegiados como alvos da comoção nacional
Mas ignoram que pra grande parcela da população
A dor é a mistura na refeição principal

Carniceiros midiático!
O tom da voz, carregado de emoção
Camuflam o objetivo real,
Alavancar o ibope pro show da televisão.

Bem aventurado o dia em que a dor da Maria,
Não seja maior que a dor do João
Bendito o dia em que todas sejam respeitadas
Dignas de compaixão.

Embora utópico,
Não me custa desafiar sua dor
Que a dor de todos lhe sugue o ar.
Que a dor de todos lhe cause ardor.

Guto

Nenhum comentário:

Postar um comentário