19 de jun de 2017

I Have a Dream

Há pouco mais de 10 anos eu era um jovem mais perdido que dente em boca de banguelo no tocante a formação profissional.
Até que por uma oportunidade de trabalho e incentivo de uma chefe que se tornaria amiga optei por publicidade e propaganda.
No curso descobri amigos que perduram até hoje, e quão agraciado sou por tê-los, além de  descobrir também o amor pela escrita.
É fato que sou tímido e escrever sempre foi mais fácil que falar, mas nessa época isso se tornou mais latente.
Por indicação de um profissional da área, passei a acompanhar o site do Clube de Criação de São Paulo e uma coluna em especial me chamava a atenção.
Chamava-se "Criado Mudo".
Nessa coluna os melhores redatores do país escreviam sobre o objeto mais silencioso do quarto. E como aquilo era incrível, me encantava!
Nesse cenário descobri minha vocação, aquele: "trabalhe com o que ama e nunca precisará trabalhar".
Queria ter meu texto naquela coluna.
Queria ser redator!
Mas nem tudo são flores meu jovem padawan, a remuneração dos estágios não eram suficientes sequer pra pagar a mensalidade do curso e o tempo passou, assim como essas possíveis oportunidades que me levariam sei la aonde.
Mas nunca fui de me lamentar, tampouco terceirizar a culpa. Não realizei aquele sonho, mas o adaptei, hoje escrevo de forma gratuita, por hobby pra mim e pra você. De nada!
Se você chegou até aqui deve estar se perguntando: Blz Guto mas e aí, qual a finalidade desse textão.
Nenhum motivo nobre.
Só estou pensando alto, matando meu tempo e o seu.

Gutow

Nenhum comentário:

Postar um comentário